Quarta, 23 de Junho de 2021
86 98195-2377
Justiça Justiça

Redução de férias de 60 para 30 dias deixará Judiciário “lento”, diz presidente da AMB

A magistrada argumenta que, sem o benefício, juízes e procuradores deverão abandonar o serviço público

07/06/2021 07h26
Por: Weslley Moreira - (86) 98195 2377 Fonte: O Antagonista
Imagem: reprodução
Imagem: reprodução

Em artigo para a Folha, a presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Renata Gil, defendeu as férias de 60 dias para juízes e procuradores. 

Para Renata, se a PEC que reduz as férias da magistratura e dos membros do Ministério Público de 60 para 30 dias por ano for aprovada, “a consequência irreversível será um Judiciário congestionado e lento na pacificação dos conflitos, em prejuízo dos cidadãos”.

A magistrada argumenta que, sem o benefício, juízes e procuradores deverão abandonar o serviço público, “justamente por vislumbrarem, na iniciativa privada, a possibilidade de melhores condições de vida”.

É vergonhoso.

Weslley Moreira
Sobre Weslley Moreira
Advogado, Editor e Fundador do Portal SRN. Conteúdo diverso!
São Raimundo Nonato - PI
Atualizado às 02h30 - Fonte: Climatempo
23°
Poucas nuvens

Mín. 21° Máx. 31°

23° Sensação
14.8 km/h Vento
66.3% Umidade do ar
90% (2mm) Chance de chuva
Amanhã (24/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 30°

Sol e Chuva
Sexta (25/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 31°

Sol com algumas nuvens