Terça, 23 de Julho de 2024
18°C 32°C
São Raimundo Nonato, PI
Publicidade

Professores federais e trabalhadores da Agespisa protestam durante visita de Lula à Teresina

Professores públicos federais e funcionários da Agespisa realizaram protesto durante a visita do presidente Lula à Teresina na manhã desta sexta-feira (21).

21/06/2024 às 16h10
Por: Portal SRN Fonte: Com informações da Cidadeverde.com / Edição: Portal SRN
Compartilhe:
Imagem: Renato Andrade/Cidadeverde.com
Imagem: Renato Andrade/Cidadeverde.com

Professores públicos federais e funcionários da Agespisa realizaram protesto durante a visita do presidente Lula à Teresina na manhã desta sexta-feira (21). 

As categorias afixaram faixas com reivindicações na Avenida Marechal Castelo Branco, diante do Centro de Convenções, local onde está acontecendo a Caravana Federativa, evento itinerante do governo federal, que apresenta ações de cidadania e programas do governo aos gestores públicos e parlamentares locais.

Os professores do Instituto Federal do Piauí (IFPI)e da Universidade Federal do Piauí (UFPI) reivindicam aumento salarial e o incremento no orçamento das duas instituições.  

"Os institutos federais estão sendo sucateados. O orçamento que a instituição recebe não tem sido suficiente para ofertamos uma educação de qualidade. Não podemos ficar dependendo de emenda parlamentar para sustentar os campus do Piauí", disse a professora Alexandrina Rocha, coordenadora do Sindicato dos Docentes do Instituto Federal do Piauí. A instituição está há quase dois meses em greve. 

Continua após a publicidade

Segundo a presidente da Associação dos Docentes da Universidade Federal do Piauí, Escolástica Santos, a negociação entre o governo federal e a categoria já avançou em alguns pontos, mas ainda precisa avançar no reajuste salarial ofertado aos servidores para o ano de 2024.

"Conseguimos muitos avanços na negociação, conseguimos reajustar o auxílio-alimentação, por exemplo, conseguimos derrubar portarias que dificultam o nosso trabalho dentro da UFPI e do IFPI, já temos inclusive um acordo sobre o percentual de reajuste salarial para o próximo ano, mas o deste ano segue zero, não temos reajuste", explicou. 

Outra entidade que também protestou no local foi o Sindicato dos Urbanitários, que representa os servidores da Agespisa. 

Imagem: Renato Andrade

 

Os servidores aproveitaram a presença do presidente Lula, do governador e de prefeitos de todo o Piauí para protestarem contra o projeto de concessão dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário da Microrregião de Água e Esgoto do Piauí (MRAE).

Para o sindicato, o projeto vai encarecer a conta dos consumidores e deixar desabastecidas as zonas rurais dos municípios. O presidente dos Urbanitários, Francisco Marques, afirmou que projetos desse tipo não tem tido sucesso em outros estados.  

A Polícia Militar acompanhou as manifestações de perto e conversou com os organizadores para manter a ordem durante os protestos.

São Raimundo Nonato, PI
20°
Parcialmente nublado

Mín. 18° Máx. 32°

20° Sensação
0.68km/h Vento
64% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h06 Nascer do sol
05h47 Pôr do sol
Qua 33° 19°
Qui 32° 20°
Sex 33° 19°
Sáb 33° 19°
Dom 33° 21°
Atualizado às 02h06
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,57 -0,05%
Euro
R$ 6,07 -0,03%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,32%
Bitcoin
R$ 395,907,16 -1,04%
Ibovespa
127,859,63 pts 0.19%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade