Terça, 25 de Junho de 2024
20°C 35°C
São Raimundo Nonato, PI
Publicidade

Gasolina sobe 5% em 2024 mesmo sem reajustes da Petrobras

Preço do combustível aumentou nas bombas quase R$ 0,30 ao longo do ano, mas a última mudança feita pela estatal tem mais de 7 meses

11/06/2024 às 07h39
Por: Portal SRN
Compartilhe:
Imagem: Reprodução
Imagem: Reprodução

O preço da gasolina acumula uma alta de 5% em 2024. Nas bombas, o litro do combustível tem custado quase R$ 0,30 a mais do que era vendido no final de 2023. O valor vem subindo mesmo sem nenhum aumento da Petrobras neste ano. O último reajuste anunciado tem mais de 7 meses.

A gasolina começou 2024 custando, em média, R$ 5,56. Na última semana, encerrada em 8 de junho, o preço médio do combustível no país ficou em R$ 5,85. Os dados são da pesquisa semanal realizada pela ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) nos postos.

O valor do diesel, por outro lado, está estável. O combustível para veículos pesados encerrou 2023 custando R$ 5,86. Na última semana, era vendido pelo mesmo preço médio da gasolina: R$ 5,85. No entanto, chegou a R$ 5,95 em abril. No caso do diesel, o último reajuste nas refinarias da Petrobras tem quase 6 meses.

Mas o que fez os preços subirem mesmo sem aumento nas refinarias? Há vários fatores, como maiores custos de distribuidoras e de postos, que são repassados ao consumidor. No entanto, o que pesou mesmo foram os aumentos de impostos.

Continua após a publicidade

No caso do diesel, houve uma reoneração logo em 1º de janeiro. Os impostos federais sobre os combustíveis, que tiveram alíquotas zeradas em março de 2021, foram retomados parcialmente em setembro do ano passado, com cobrança de R$ 0,13 por litro. E voltaram a ter alíquota cheia de R$ 0,35 neste ano.

Sobre a gasolina, o que pesou foi o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços). O imposto estadual subiu em 1º de fevereiro em todos os Estados para a gasolina, óleo diesel e GLP (Gás Liquefeito de Petróleo), mais conhecido como gás de cozinha.

O ICMS da gasolina subiu de R$ 1,22 para R$ 1,37, uma alta de R$ 0,15 por litro. O diesel subiu R$ 0,12. Como resultado, houve um repique nos preços no início de fevereiro. E os valores seguiram subindo nos meses seguintes, com os postos repassando aumentos das distribuidoras.

SEM REAJUSTES

A Petrobras não alterou os preços dos combustíveis em 2024. No mercado, a observação feita é que o ex-presidente Jean Paul Prates segurou as altas para evitar uma piora do seu desgaste com o governo. Isso, porém, não surtiu efeito e ele acabou demitido. Agora, Magda Chambriard sinaliza que deve seguir o mesmo caminho.

O último reajuste nos preços da gasolina foi há mais de 7 meses, em outubro –redução de R$ 0,12 por litro. No diesel, a última mudança foi em dezembro, quando o valor caiu R$ 0,30 nas refinarias e o litro passou para R$ 3,48.

São Raimundo Nonato, PI
34°
Tempo nublado

Mín. 20° Máx. 35°

32° Sensação
2.44km/h Vento
22% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h05 Nascer do sol
05h41 Pôr do sol
Qua 35° 21°
Qui 35° 21°
Sex 35° 21°
Sáb 35° 20°
Dom 35° 19°
Atualizado às 13h06
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,45 +1,10%
Euro
R$ 5,84 +0,83%
Peso Argentino
R$ 0,01 +1,55%
Bitcoin
R$ 356,369,91 +3,25%
Ibovespa
122,131,19 pts -0.41%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade