Terça, 25 de Junho de 2024
20°C 35°C
São Raimundo Nonato, PI
Publicidade

Europa gira à direita em derrota para governos francês e alemão

Eleição do Parlamento Europeu tem aumento de 396 para 402 cadeiras para siglas de direita e centro-direita com avanço dos chamados partidos nacionalistas

10/06/2024 às 10h14
Por: Portal SRN Fonte: Com informações do Poder 360
Compartilhe:
Imagem: Reprodução
Imagem: Reprodução

A direita saiu como a grande vitoriosa das eleições para o Parlamento Europeu, finalizadas neste domingo (9.jun.2024). Segundo as projeções atualizadas às 21h pela comissão eleitoral, o Partido Popular Europeu manteve a maior bancada no Legislativo da União Europeia e conquistou mais 13 cadeiras, ficando com 189 deputados. 

Outros grupos nacionalistas avançaram no parlamento. Ganharam assentos o Identidade e Democracia e os Reformistas e Conservadores Europeus. Com a nova composição, os deputados de direita e centro-direita serão 402 do total de 720, domínio de 56%. Eram 396 antes.

De centro-direita, o Partido Popular Europeu é o mesmo de Ursula von der Leyen, atual presidente da Comissão Europeia. O resultado favorece a sua reeleição. O bom desempenho dos grupos de direita é uma derrota para os governos francês e alemão.

Como reação, o presidente da França, Emmanuel Macron, dissolveu o parlamento como resposta e convocou novas eleições. Já o primeiro-ministro da Bélgica, Alexander De Croo, anunciou a sua renúncia ao cargo.

Continua após a publicidade

A eleição consolida uma série de vitórias da direita ou da centro-direita na Europa. É um dos resultados mais expressivos do grupo desde a fundação da União Europeia. Eis as vitórias recentes:

Grécia – Nova Democracia (Centro-Direita);
Bulgária – GERB (Direita);
Espanha – PP (Centro-Direita);
Hungria – FIDESZ (Direita);
Finlândia – KOK (Direita);
Croácia – HDZ (Direita);
França – RN (Direita);
Áustria – FPO (Direita);
Alemanha – CDU (Centro-Direita).
O Renovar a Europa, de Macron, caiu de 102 para 93 cadeiras no Parlamento Europeu. Já o nacionalista Identidade e Democracia cresceu de 49 para 58 eurodeputados, segundo as parciais.

A esquerda e centro-esquerda, por outro lado, perdeu espaço. O 2º partido mais forte do Parlamento Europeu continuará sendo a Aliança Progressista dos Socialistas e Democratas. Pelas projeções, o grupo que tinha 139 deputados agora tem 135.

Os Verdes devem minguar suas atuais 71 cadeiras para 53, segundo as parciais. Já o bloco da Esquerda Unitária Europeia deve ficar com 35 assentos no parlamento –tinha 37.

São Raimundo Nonato, PI
34°
Tempo nublado

Mín. 20° Máx. 35°

32° Sensação
2.44km/h Vento
22% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h05 Nascer do sol
05h41 Pôr do sol
Qua 35° 21°
Qui 35° 21°
Sex 35° 21°
Sáb 35° 20°
Dom 35° 19°
Atualizado às 13h06
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,45 +1,07%
Euro
R$ 5,84 +0,82%
Peso Argentino
R$ 0,01 +1,52%
Bitcoin
R$ 356,340,43 +3,27%
Ibovespa
122,203,92 pts -0.35%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade