Sexta, 14 de Agosto de 2020 22:59
86 98195-2377
Brasil Promessas

Prefeitos das capitais cumpriram 39% dos compromissos de campanha

Levantamento do G1 considera 1.040 promessas assumidas pelos então candidatos durante a campanha eleitoral de 2016.

02/01/2020 10h07
Por: Redação Fonte: G1
Prefeitos das capitais cumpriram 39% dos compromissos de campanha

Nos três primeiros anos de mandato, os prefeitos das 26 capitais do país cumpriram 39% das promessas que fizeram durante a campanha eleitoral de 2016. É o que mostra levantamento do G1 considerando 1.040 compromissos assumidos pelos então candidatos antes de serem eleitos. A relação completa por cidade está na página especial "As promessas dos políticos".

Os dados mostram ainda que 25% das promessas foram cumpridas parcialmente até o momento – o que significa que ainda há pendências para que o trabalho seja considerado entregue.

Já as promessas que ainda não foram cumpridas pelos prefeitos são 36%.

Em números absolutos, o resultado da avaliação das promessas é:

  • Total de promessas: 1.040
  • Cumpridas: 406
  • Cumpridas em parte: 253
  • Não cumpridas: 379
  • Não avaliadas: 2

As duas promessas que constam como não avaliadas são as feitas pelos prefeitos Iris Resende, de Goiânia, e Luciano Cartaxo, de João Pessoa, de cumprir o mandato até o fim. Apesar de não terem disputado um cargo nas eleições de 2018, o cumprimento só poderá ser aferido, de fato, ao fim dos mandatos dos dois.

Em 2018, quatro vice-prefeitos assumiram a gestão do município depois que os prefeitos eleitos deixaram o cargo para disputar o governo do estado. Em Natal, Álvaro Costa Dias (MDB) assumiu no lugar de Carlos Eduardo (PDT). Em Palmas, Cinthia Ribeiro (PSDB) substituiu Carlos Amastha (PSB). Em Rio Branco, Marcus Alexandre (PT) foi substituído por Socorro Neri (PSB). Por fim, em São Paulo, Bruno Covas (PSDB) assumiu o posto deixado por João Doria (PSDB).

Em termos percentuais, as promessas envolvendo turismo e direitos humanos e sociais lideram o ranking de promessas não cumpridas.

Por outro lado, entre os compromissos cumpridos, os envolvendo economia e a própria administração têm os maiores percentuais.